Já antes, neste artigo, tínhamos falado da Roda Sensorial, uma ferramenta indispensável para todos aqueles que decidem levar o acto de apreciar o bom Café de Especialidade para níveis mais elevados de sofisticação e prazer.

Agora, descobrimos no site da CoffeeMind uma roda de aromas mais simples, portanto mais fácil de utilizar, optiminzando assim a sua utilidade sempre que são exigidas habilidades sensoriais, dentro dos dois níveis principais, paladar e aroma.

O paladar inclui as cinco sensações gustativas básicas: amargo, doce, azedo, salgado e ácido.
O aroma pode ser percebido como ortonasal, através da cavidade nasal ou retronasal, ou através da cavidade oral. Perante uma chávena de Café, recebemos através dos sentidos uma mistura de sabor, aroma e sensações gustativas.

As rodas de sabores até agora mais utilizadas incluem sub-categorias díficeis de quantificar por quem não é especialista, indo por vezes além de categorias fora do universo do Café. Esta, hoje, aqui apresentada está construida apenas com aromos presentes no Café.

Possui só dois níveis, devendo os principiantes começar pelo nível interno, tentando à partida escolher a que categoria pertence o que está a sentir, passando em seguida para o nível externo, onde pode procurar alguns descritores mais específicos. É sempre boa ideia fazer algo semelhante a uma prova cega, onde vários tipos de Grão podem ser comparados sem ter ideia da sua origem.

A prática vai trazer de certeza bons resultados!